sexta-feira, 11 de março de 2011

Calabouço

O desejo corroeu sua mente
E assim como no Éden
Você provou do fruto proibido.
Mas realmente a tua existência mudou?

Ouvimos palavras e comandos...
Você não precisa seguir os padrões esdrúxulos
Dessa sociedade pervertida.
Quem esculpiu esses padrões cegos de vida?
Onde seu sangue faz parte do cálice divino.

Você viveu tanto tempo sem enxergar...
Que agora até a luz da lua ofusca sua visão;
Revelando-lhe uma realidade distorcida.

Venha! Vamos fugir deste lugar.
Encontraremos um mundo ideal.
Mesmo que seja apenas em nossos sonhos.
Lá as almas cantarão para nós.

Tente pelo menos...
Se você se esforçar verás que a vida
Pode ser uma linda verdade
Não apenas mentiras e enganação!

Você viveu tanto tempo sem enxergar...
Que agora até a luz da lua ofusca sua visão;
Revelando-lhe uma realidade distorcida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens populares